O conceito de mônada orgânica

Maurício de Carvalho Ramos

Resumen


O objetivo principal do presente estudo é elaborar um conceito de mônada orgânica a partir de certos elementos da metafísica e da filosofia natural de Leibniz. Com tal elaboração, não pretendo propriamente oferecer uma nova interpretação da filosofia leibniziana, mas determinar um conceito que integre o que pode ser designado como modelo monadológico geral, cuja validade conceitual e histórica vai além dos marcos de tal filosofia. Começarei meu argumento sustentando que na metafísica da substância de Leibniz a pluralidade possui certa precedência em relação à simplicidade. Isso é feito articulando os conceitos de plenitude e de simplicidade substancial de modo a mostrar que dessa articulação emerge um conceito de plenum como agregado heterogêneo universal de corpos no qual a organicidade é mais fundamental do que a materialidade. Na segunda seção do artigo, procurarei conferir a esse plenum o estatuto metafísico de substância composta articulando-o a dois sentidos de vida, simples e composto. Os corpos substancialmente fundados exibem uma apetição característica da vida composta. A partir daí, passarei, na terceira seção, da substancialidade composta em geral para uma substancialidade orgânica específica através da determinação do conceito de organismo polar. Pretendo que tal conceito realize uma síntese dos aspectos fisiológicos e genéticos do organismo capaz de determinar, por fim, o conceito de mônada orgânica como resultante da associação entre uma metafísica que fundamenta a conservação dinâmica do orgânico e uma que fundamenta a pluralidade da transformação orgânica temporal.

Palabras clave


mônada orgânica, substância orgânica, princípio de plenitude, princípio de identidade, epigênese, preformação, Leibniz

Texto completo:

PDF (Português (Brasil))

Enlaces refback

  • No hay ningún enlace refback.


 

EDUNTREF – Editorial de la Universidad Nacional de Tres de Febrero. Centro Cultural Borges, Viamonte esq. San Martín 3p. (C1053ABK) Ciudad de Buenos Aires, República Argentina. www.metatheoria.com.ar. ISSN 1853-2330.